Home PC Linux Prévia: We Happy Few – O horror da felicidade

Prévia: We Happy Few – O horror da felicidade

Compartilhe

We Happy Few é um jogo de sobrevivência com um design bem peculiar e com toques indispensáveis de um jogo de terror. Conheça nesta prévia, detalhes desse jogo que será lançado em junho de 2016.

A pequena desenvolvedora Canadense Compulsion, com o seu time de 11 pessoas, já lançou anteriormente um jogo chamado Contrast, na época eles acabaram lançando o jogo rápido, resultando em bugs e problemas com os controles.

Algo semelhante entre Contrast e o We Happy Few é o visual retro e personagens cartoons com uma ótima escolha de cores e iluminação. Pensando em evitar os erros do passado, a desenvolvedora está escutando de antemão a opinião dos jogadores e criou uma campanha no site Kickstarter para o jogo, a campanha foi um sucesso e o dinheiro arrecadado será usado na construção do jogo.

We Happy Few será lançado para PC, Linux, MAC e Xbox One.

O enredo de We Happy Few

A história de We Happy Few ocorre em um mundo alternativo no ano de 1964, você está na cidade fictícia da Inglaterra chamada Wellington Wells, nela todos os habitantes são exageradamente otimistas e felizes, isso acontece porque eles estão sempre sob o efeito de uma droga chamada Joy, dessa forma eles podem ignorar os verdadeiros problemas e fatos do passado.

O problema é que você não está sob o efeito da droga Joy e quer fugir de lá o quanto antes, mas fazer isso não é uma tarefa fácil, os habitantes que percebem uma pessoa que não age da forma como deveria é espancado até a morte. É chamada de Downer a pessoa que não usa o Joy em Wellington Wells.

Na cidade há também o icônico representante da mídia conhecido como Tio Jack que pode ser novamente conferido no vídeo abaixo, as imagens foram usadas na campanha Kickstarter.

No jogo você terá que fingir ser um habitante feliz, mas além de tentar fugir, você tem que beber e comer e pra isso não há outra forma a não ser fazendo coisas erradas aos olhos dos cidadãos.

A outra saída seria também usar a droga Joy, mas se você usar muito irá ter uma overdose e se esquecerá de tudo que aconteceu e aprendeu para escapar.

Algumas imagens da versão incompleta do jogo estão disponíveis na internet, você pode perceber que o personagem principal pode ser uma mulher ou um homem.

Gameplay

Em We Happy Few você jogará em primeira pessoa, a ideia principal é andar na surdina ou em modo stealth, assim você pode sobreviver sem ser notado pelos inimigos e escapar da cidade de forma menos dolorosa, mas você também pode escolher ser mais agressivo e matar todos aqueles que descobrir seus planos, porém é importante que você esconda os corpos para que tudo não fique fora de seu controle.

Combates no jogo We Happy Few
Batendo em um dos moradores da cidade.

No jogo fazer movimentos estranhos como correr, deixar de cumprimentar as pessoas ou invadir casas irá chamar a atenção da população que estará pronta para te matar sem pensar duas vezes.

A grande jogada é que você tem que agir “fora da lei” para sobreviver, seu personagem terá medidores de fome, sede e terá que escapar rápido da cidade pois há tempo limite para os objetivos.

Você também terá uma barra medidora de Joy, se ela ficar muito cheia você tem uma overdose e volta para o início do jogo, sem os seus itens e perderá um precioso dia em sua luta contra o tempo para escapar.

Se o seu personagem morrer, você não poderá voltar no último jogo salvo, ao voltar no início a cidade será totalmente reformulada, o jogo conta com um sistema randômico de criação do cenário, dessa forma quando você morre irá voltar em uma cidade totalmente diferente.

O mundo colorido e brilhante de We Happy Few
Quando o personagem toma muito Joy, tudo fica brilhante e colorido.

Quando o personagem começa a tomar muito Joy, o visual do jogo muda, você começará a ver o mundo mais colorido e cheio de luz.

O menu de itens do jogo We Happy Few
O inventário de itens de We Happy Few.

Outra característica forte do jogo é a coleta de itens, você irá passar muito tempo encontrando objetos em diversos lugares como lixeiras, caixas e maletas. Depois de coletar os itens você pode combiná-los em armas, chaves alternativas e curativos.

De acordo com as imagens acima, no jogo há um mapa que vai revelando no momento em que você visita os lugares. Você também pode perceber uma barra de estamina que mede a energia do personagem quando ele entra em combate.

Te fez lembrar de outro jogo?

Depois de ler essa prévia eu acho que você encontrou algumas características desse jogo em outros, eu pensei imediatamente em Bioshock por conta das drogas, uma cidade com habitantes loucos e o estilo daquela época.

Se você viu também o trailer no início deste texto, pôde perceber influências do jogo Zombi U que também tem como tema a Inglaterra.

E você, o que acha do jogo? Deixe nos comentários abaixo sua opinião.

Gostou do site? Ajude-o a crescer participando das redes sociais e recomendando aos seus amigos. Acesse aqui a página do Facebook e do Youtube.

3 Comentários (Os comentários são aprovados manualmente pela admin do site e por isso não aparecem de imediato)

Deixe um comentário