Home Artigos Especiais 5 Fatos curiosos sobre a série de jogos Spyro

5 Fatos curiosos sobre a série de jogos Spyro

Compartilhe

A série de jogos um dos mais famosos dragões marcou uma geração, o Spyro bem que merecia um jogo da atualidade, mas enquanto isso não acontece, conferia algumas curiosidades sobre a série.

1 – A cor dos personagens

Durante a fase de criação do Spyro, muitos esboços foram criados para a caracterização do pequeno dragão e em sua fase de planejamento, o Spyro tinha a cor verde.

Como o cenário do jogo era predominantemente verde, o Spyro acabava se ofuscando na paisagem e então foi tomada a decisão de mudar a cor dele. Alguns acreditam que a equipe resolveu mudar a cor dele porque dessa forma ele teria um diferencial dos outros dragões normais que são verdes.

Spyro verde imagem ilustrativa

O Cleetus sofreu também uma pequena mudança na sua coloração, ele aparece em lugares diferentes, mas em alguns ele tem uma coloração verde mais forte e em outras mais descorada, as vozes deles também mudam.

Outro dragão que mudou de cor é o Cyrus, em algumas versões do jogo ele é verde enquanto que em outras ele é amarelo.

2 – Famosos que participaram do jogo

Para criar os jogos da série de Spyro, alguns ilustres atores de vozes e até mesmo compositores foram contratados.

O Spyro já foi dublado por Thomas James Kenny o mesmo que faz a voz de Bob Esponja, o nosso dragãozinho roxo foi também dublado por Carlos Alazraqui o mesmo que dubla a voz do Crach Bandicoot.

Até mesmo o ator Elijah Wood já fez a voz do Spyro em um dos jogos.

Stewart Copeland, o baterista da banda The Police, chegou a criar a trilha sonora do jogo.

Spyro e os famosos

3 – Spyro iria se chamar Pete

Em uma reportagem de 1998 da revista estrangeira PlayStation Magazine, foi informado que anteriormente o jogo do Spyro iria se chamar Pete.

Então bem no início da fase de concepção da ideia do jogo, o dragão e o jogo iria ter o nome de Pete, ainda bem que essa mudança foi feita, o nome atual é muito mais legal e cheio de personalidade.

Pete The Dragon e Spyro

Sem contar que existe um filme da Disney de um garoto chamado Pete e um dragão verde, apesar do nome não ser do dragão, ainda sim iria dar uma certa confusão.

O nome Spyro é de origem Grega, por lá existe a palavra Pyro que significa fogo, no Latin a palavra Spiro significa respirar, se juntar as duas definições faz todo o sentido dar o nome Spyro para um dragão.

4 – Várias diferenças na versão Japonesa

A versão japonesa de Spyro tem várias diferenças com a versão do jogo lançada aqui no ocidente, confira algumas delas.

Capa japonesa de Spyro

No Japão a escrita é um tanto quanto diferente da que estamos acostumados, os símbolos que formam a palavra Spyro, parecem para nós como se estivesse escrito “Ripto“, percebendo isso, os desenvolvedores usaram a ideia do nome para colocar em um dos vilões do jogo.

Ripto de Spyro the dragon

De maneira geral, a versão Japonesa de Spyro é mais lenta do que o normal, mas existe a versão Director’s Cut onde a velocidade fica igual ao Spyro lançado no ocidente.

No Spyro japonês haviam algumas plaquinhas no jogo dando dicas, quando o Spyro pulava ele fazia alguns sons que não existem na versão ocidental. Quando o Spyro sofria dano, a coloração do Sparx ficava mais escura e a movimentação da câmera do jogo era bem diferente.

5 – Músicas aleatórias

Talvez você não saiba, mas existiam algumas músicas extras que somente tocavam no jogo do Spyro em alguns momentos e em algumas fases.

É um grande mistério o que faz essas músicas serem tocadas, na versão Européia foi inclusive adicionado mais 6 músicas extras no estilo, aparentemente elas tocam aleatóriamente depois que você jogar um bom tempo em fases que você já completou.

Conclusão

Você gosta da série de jogos Spyro? Tem algum fato curioso ou gostaria de me dizer qual seu jogo preferido do dragão, então não deixe de deixar um comentário logo abaixo.

 

Deixe um comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here